CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
E-booksE-books
PerfilPerfil
ContatoContato
LinksLinks
Rahna
Flash dos teus olhos... Segundo eternizado na minha retina..
Textos

OLHOS DISTANTES
Há ainda um riso
Que baila na boca
Do tempo...

Há uma lua vazia
De face tão pálida,
A vagar, imprecisa...

Há um canto ao longe
Que é prece cálida
À noite solitária...

Há dois olhos distantes
Que, serenos adormecem,
Pelo canto entorpecidos...

E ao som do canto esquecido,
Capturo a poesia distraída,
Perdida na madrugada...
Rahna
Enviado por Rahna em 18/03/2006


Comentários